Você conseguiu criar um bom abaixo-assinado, relevante e com muitas assinaturas. Chegou a hora de se reunir com o alvo – aquela pessoa ou organização com poder de decisão sobre o assunto.


Entre em contato com o destinatário por e-mail ou telefone, solicitando uma reunião presencial e um telefone de contato direto (celular, por exemplo). Se não te concederem uma reunião, não se preocupe, há outras formas de conseguir que te levem em consideração. Alguns passos básicos:

1. Peça uma reunião

Entre em contato com o destinatário da sua petição por e-mail ou telefone e solicite uma reunião presencial para entregar as assinaturas e negociar uma solução. O ideal é que agendem uma reunião para que você possa entregar as assinatura pessoalmente, mas não se preocupe se não conseguir. Você pode entregar ao departamento correspondente.

Alguns conselhos podem ajudar:

  • Peça uma reunião com o responsável adequado

    Governos, partidos, empresas e instituições  podem ter estruturas muito complexas e aqueles que ocupam cargos maiores na hierarquia não são os responsável por atender sua petição. Investigue e entenda as estruturas para saber quem é o melhor contato para que a sua petição seja vitoriosa. Essa é a pessoa  para a qual você tem que solicitar uma reunião.
     
  • Apoie-se nos assistentes e secretariado

    Se os destinatários da sua petição forem representantes públicos ou diretores de uma empresa, pode ser difícil entrar em contato diretamente com eles. Geralmente os assistentes controlam suas agendas, o que pode ser de muita ajuda.
     
  • Avise os apoiadores sobre a reunião

    Se conseguir uma reunião com o destinatário ou se simplesmente for entregar as assinaturas, informe os apoiadores, atualizando sua campanha. Se a reunião for pública, o destinatário se sentirá pressionado a comparecer.

Exemplo:

 
 
  • Avise a mídia

    Um dias antes da reunião (ou com mais antecedência), avise os meios de comunicação e os jornalistas que cobriram a sua campanha. Dessa forma, você poderá reavivar o interesse pelo desenrolar da campanha. Não esqueça de contar sobre o resultado!

Voltar ao topo


2. O que fazer antes da reunião 

A reunião presencial pode ser a grande oportunidade de ganhar a petição. Por isso, prepara-se com antecedência:

  • Pratique com um amigo/a

    Pratique o que irá dizer com um amigo ou familiar. Isso te fará ter segurança. Pense bem quais são as mensagens que você quer transmitir.
     
  • Prepare-se para negociar

    A maioria das vezes, a mudança social acontece por meio de negociação. Decida até onde você está disposto a negociar e qual parte da petição é inegociável. Escute o destinatário da petição para ver como vocês podem chegar a uma solução.
     
  • Leve as assinaturas com você

    Imprima e grave a lista de assinaturas/apoiadores da petição em CD ou pen drive. O fato de ter outras pessoas apoiando a campanha é um argumento capaz de convencer o destinatário.

Como imprimir as assinaturas:

 
 

3. O que fazer durante a reunião

  • Seja objetivo e específico

    Garanta que a sua alegação é a mesma da petição – que deve ser concreta. Somente assim você poderá avaliar se a decisão tomada pelo destinatário condiz ou não com o que você pediu.

Exemplos de pedidos concretos:

 
 
  • Conte sua história

    Explique porque a petição é importante. Se alguns dos seus apoiadores fez um comentário inspirador e emocionante, não hesite em falar sobre ele também. Além disso, garanta que o destinatário saiba o quão felizes e orgulhosos ficarão os seus apoiadores, caso a campanha seja vitoriosa.
     
  • Escute

    Defenda sua petição com unhas e dentes, mas não deixe de escutar o ponto de vista do destinatário. No limite, ele pode te propor uma solução que você nem sequer pensou ou sabia que era possível.
     
  • Explique os próximos passos ao destinatário

    Se a resposta não for positiva, informe o destinatário tudo o que você vai fazer para que a campanha avance e seja vitoriosa: convocar a mídia e jornalistas, organizar uma manifestação, ativar a rede de apoiadores etc.
     
  • Compromissos, sempre por escrito

    Anote, anote, anote. Registre, registre, registre. Mantenha por escrito todos os compromissos e decisões que tomarem em reunião. Retome todos eles (em voz alta) no final da reunião. Fixe um calendário/data para cada uma das ações programadas. 
  • Cuidado para não ser enrolado(a)!

    Muitas vezes, a resposta de um governante ou empresa é vaga ou quer somente "empurrar com a barriga". Colocar o pedido do abaixo-assinado em prática pode ser difícil e reconhecer que cedeu à pressão mais ainda. Com frequência, o criador da petição ouve retornos como "precisamos construir algo maior e envolver toda a comunidade antes de dar o primeiro passo" ou "o melhor caminho é construir um grupo de trabalho com as partes envolvidas" ou ainda "mais do que atender o abaixo-assinado, vou criar um plano estratégico para o assunto". Fuja! Simplesmente fuja deste tipo de resposta! Não aceite e pressione para uma solução concreta.

Voltar ao topo


4. Não deixe ele(a) esquecer

  • Agradeça

    Depois da reunião, envie um e-mail ao destinatário agradecendo por seu tempo. Aproveite e pontue os compromissos e decisões tomados na ocasião.
     
  • Atualize os apoiadores

    Conte como foi e o que aconteceu na reunião. Se conseguiu alcançar o seu objetivo, não esqueça de declarar a campanha vitoriosa.

Exemplo:

 
 

 

  • Informe os meios de comunicação

    Se você convocou a mídia para que cobrisse a entrega das assinaturas, entre em contato com eles e conte o que aconteceu na reunião.
     
  • Mantenha contato direto com o destinatário e sua equipe

    Após a reunião, talvez você consiga contato direto com o destinatário e sua equipe. Não hesite em entrar em contato regularmente para garantir que eles cumpram o combinado.
     
  • Planeje os próximos passos

    Decida como será a continuação da campanha, com base no que foi decidido em reunião. Se você conseguiu o seu objetivo, declare a campanha vitoriosa e informe os apoiadores. Se, pelo contrário, o destinatário não cedeu em nada, terá que seguir trabalhando. Neste caso, uma boa opção é escrever para os apoiadores solicitando ideias sobre como continuar a campanha. 

Voltar ao topo


Summary Block
This is example content. Double-click here and select a page to feature its content. Learn more.